Produtos

Azure Virtual Network

Sua rede privada na nuvem

A Rede Virtual do Azure proporciona um ambiente isolado e altamente seguro para executar máquinas virtuais e aplicativos. Use seus endereços IP privados e defina as sub-redes, as políticas de controle de acesso e muito mais. Use a Rede Virtual para tratar o Azure do mesmo modo que faria com seu próprio datacenter.

O tráfego entre os recursos do Azure, em uma ou em várias regiões, permanece na rede do Azure – o tráfego dentro do Azure não flui pela Internet. No Azure, o tráfego de máquina virtual para máquina virtual, do armazenamento e da comunicação do SQL percorre somente a rede do Azure, independentemente da região do Azure de origem e de destino. O tráfego de rede virtual para rede virtual entre regiões também flui totalmente pela rede do Azure.

Em uma rede virtual, execute os dispositivos virtuais de rede favoritos – otimizadores de WAN, balanceadores de carga e firewalls do aplicativo – e defina fluxos de tráfego, que permitem que você crie a rede com um grau maior de controle.

Use a Rede Virtual para criar seus serviços que dependem dos serviços de nuvem do Azure e de Máquinas Virtuais do Azure. Use as funções Web do Azure para o seu front-end e máquinas virtuais para banco de dados de back-end. Combine a PaaS (plataforma como serviço) e a IaaS (infraestrutura como serviço) em uma rede virtual para obter mais flexibilidade e escalabilidade ao criar aplicativos.

AWS VPC

Provisione uma seção da nuvem da Amazon Web Services (AWS) isolada logicamente na qual é possível executar recursos da AWS em uma rede virtual que você mesmo define

A Amazon Virtual Private Cloud (Amazon VPC) permite provisionar uma seção da Nuvem AWS isolada logicamente na qual é possível executar recursos da AWS em uma rede virtual que você mesmo define. Você tem controle total sobre seu ambiente de redes virtuais, incluindo a seleção do seu próprio intervalo de endereços IP, a criação de sub-redes e a configuração de tabelas de rotas e gateways de rede. Você pode usar IPv4 e IPv6 na VPC para acessar recursos e aplicativos com segurança e facilidade.

É possível personalizar facilmente a configuração da rede para o Amazon VPC. Por exemplo, você pode criar uma sub-rede pública para os servidores web que têm acesso à Internet e dispor os sistemas de back-end, como bancos de dados ou servidores de aplicativos, em uma sub-rede privada sem acesso à Internet. Você pode usar várias camadas de segurança, incluindo grupos de segurança e listas de controle de acesso à rede, para ajudar a controlar o acesso às instâncias do Amazon EC2 em cada sub-rede.

Azure DNS

Hospede seu domínio no Azure para obter o melhor desempenho e disponibilidade

Use o DNS do Azure para hospedar seus domínios de DNS (Sistema de Nomes de Domínio) no Azure. Gerencie registros DNS usando as mesmas credenciais, a cobrança e os contratos de suporte que os outros serviços do Azure. Integre perfeitamente serviços baseados no Azure com atualizações de DNS correspondentes e agilize o seu processo completo de implantação.

O Azure DNS usa uma rede global de servidores de nomes para fornecer respostas rápidas a consultas de DNS. Usamos a rede Anycast, portanto, as consultas de DNS são automaticamente encaminhadas para os servidores de nomes mais próximos, para oferecer a você o melhor desempenho possível.

A rede global de servidores de nomes da Microsoft tem a escala e a redundância necessárias para dar ultra-alta disponibilidade aos seus domínios. Com o DNS do Azure você pode confiar que o DNS estará sempre disponível.

Quando você adiciona um novo registro DNS, os servidores de nomes DNS do Azure são atualizados em alguns segundos e, com isso, você não precisa esperar muito antes de poder usar esse registro DNS.

AWS Route 53

Uma forma confiável e econômica de encaminhar usuários finais para aplicativos de Internet

O Amazon Route 53 é um web service Domain Name System (DNS) na nuvem altamente disponível e escalável. Ele foi projetado para oferecer aos desenvolvedores e empresas uma maneira altamente confiável e econômica de direcionar os usuários finais aos aplicativos de Internet, convertendo nomes como www.example.com para endereços IP numéricos como 192.0.2.1, usados pelos computadores para se conectarem entre si. O Amazon Route 53 também é totalmente compatível com o IPv6.

O Amazon Route 53 conecta com eficiência as solicitações de usuários com a infraestrutura executada na AWS, como instâncias do Amazon EC2, load balancers do Elastic Load Balancing e buckets do Amazon S3, e também pode ser usado para rotear usuários para infraestruturas fora da AWS. Você pode usar o Amazon Route 53 para configurar verificações de integridade do DNS e rotear o tráfego a endpoints saudáveis ou para monitorar independentemente a integridade do aplicativo e de seus endpoints. O fluxo de tráfego do Amazon Route 53 facilita o gerenciamento de tráfego de maneira global por meio de diversos tipos de roteamento, incluindo Latency Based Routing, Geo DNS, geoproximidade e Weighted Round Robin, que podem ser todos combinados com o failover de DNS para viabilizar diversas arquiteturas de baixa latência e tolerantes a falhas. Usando o editor visual simples de fluxo de tráfego do Amazon Route 53, você pode gerenciar com facilidade a maneira como seus usuários finais são roteados para os endpoints do seu aplicativo – quer seja em uma única região da AWS ou distribuídos em todo o mundo. O Amazon Route 53 também oferece registro de nome de domínio. Você pode comprar e gerenciar nomes de domínio (como example.com) e o Amazon Route 53 configura automaticamente as definições de DNS para os seus domínios.

Azure ExpressRoute

Experimente uma conexão privada mais rápida com o Azure

Use o Azure ExpressRoute para criar conexões particulares entre os datacenters do Azure e a infraestrutura presente em seu local ou em um ambiente de colocação. As conexões do ExpressRoute não passam pela Internet pública e oferecem mais confiabilidade, maiores velocidades e menores latências do que as conexões típicas pela Internet. Em alguns casos, o uso de conexões do ExpressRoute para transferir dados entre sistemas locais e o Azure pode lhe proporcionar benefícios de custo significativos.

Com o ExpressRoute, estabeleça conexões com o Azure em um local do ExpressRoute, por exemplo, nas instalações do provedor do Exchange ou então conecte-se diretamente ao Azure pela rede WAN existente, por exemplo, um VPN MPLS (comutação de rótulos multiprotocolo), fornecido por um provedor de serviços de rede.

AWS Direct Connect

O AWS Direct Connect é um serviço de nuvem que facilita estabelecer uma conexão de rede dedicada do seu local de hospedagem para a AWS. Usando o AWS Direct Connect, você pode estabelecer uma conectividade privada entre a AWS e o seu datacenter, escritório ou ambiente de compartilhamento. Em muitos casos, essa conectividade pode reduzir os custos de rede, aumentar a taxa de transferência da largura de banda e oferecer uma experiência de rede mais consistente que as conexões baseadas na Internet.

O AWS Direct Connect permite que você estabeleça uma conexão de rede dedicada entre sua rede e um dos locais do AWS Direct Connect. Usando VLANs 802.1q padrão para indústria, essa conexão dedicada pode ser particionada em várias interfaces virtuais. Isso permite usar a mesma conexão para acessar recursos públicos, como os objetos armazenados no Amazon S3 usando o espaço de endereço IP público e recursos privados, como instâncias do Amazon EC2 em execução dentro de um Amazon Virtual Private Cloud (VPC) usando o espaço IP privado, mantendo a separação de rede entre os ambientes públicos e privados. As interfaces virtuais podem ser reconfiguradas a qualquer momento para atender às suas necessidades em constante mudança.

NOSSA LOCALIZAÇÃO

Rua Maria Curupaiti, 441 - 7º andar
Santana - São Paulo - SP - CEP:02452-001
Tel: 11 3527-9000
WhatsApp Business: 11 94946-0075
E-mail:  contato@digitalwork.com.br

TOP